Em Brasília é desconhecida tal substituição no Município.
Foto: Reprodução internet

Por volta das 8h da manhã desta segunda-feira (19), lideranças indígenas realizaram uma manifestação em frente ao Distrito Especial de Saúde Indígena (Dsei) do município de Parintins. A motivação do protesto foi devido a possível exoneração do cargo de coordenadora da professora Lanira Garcia.

Líderes dos índios Sateré-Mawé, Hescariana, Federação das lideranças dos Povos índigenas do Baixo- Amazonas (Akang) e Conselho Distrital Índigena (Condisi), se uniram em favor da permanência de Lanira Garcia.

O grupo não concorda com a substituição, pois o trabalho realizado voltado para a saúde das etnias sempre foi feito com muito rigor, gerando bons resultados. A medida deverá ser tomada pelo Governo Federal.

Os índios pretendem ir até Brasília fazer reivindicação caso seja aceita a proposta para uma nova coordenação do Dsei.

Em Brasília, a Secretaria Especial de Saúde Indígena, no qual tem vínculo com o Ministério da Saúde, se posicionou dizendo que vai averiguar o caso, pois não houve nenhuma informação que haveria substituição na coordenadoria do Distrito em Parintins.



Texto Hedre José.

Qual a sua reação?



Comentários no Facebook